Começa a Campanha Salarial dos trabalhadores nas indústrias químicas, plásticos e fertilizantes

0
510

FEQUIMFAR e Sindicatos filiados dão início à Campanha Salarial e Social de mais de 130 mil trabalhadores nas indústrias químicas, plásticos e fertilizantes no estado de São Paulo

“As expectativas são positivas para a Campanha Salarial do setor químico, considerando que no acumulado do ano, o setor já gerou 5,8 mil postos de trabalho (sendo 3,2 mil postos de trabalho no setor plástico, 900 no setor de químico para fins industriais e 644 no setor de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos).”

Sergio Luiz Leite, Serginho
Presidente da FEQUIMFAR e
Vice-presidente da Força Sindical

Líderes da FEQUIMFAR (Federação dos Trabalhadores nas Indústrias Químicas e Farmacêuticas do Estado de São Paulo), entidade filiada à Força Sindical e à CNTQ (Confederação Nacional dos Trabalhadores no Ramo Químico), e dos Sindicatos filiados estarão reunidos nos dias 8, 9 e 10 de agosto para o Seminário de Negociação Coletiva que vai traçar os rumos da Campanha Salarial e Social dos trabalhadores no setor químico, plástico e fertilizantes do estado de São Paulo.

A FEQUIMFAR e Sindicatos filiados representam cerca de 130 mil trabalhadores do setor industrial químico no Estado de São Paulo, distribuídos nos segmentos químicos, plástico, petroquímicos, abrasivos, fertilizantes, cosméticos, tintas e vernizes, entre outros, com data-base em 1º de novembro.

Seminário de Negociação Coletiva em Praia Grande SP

Durante o encontro, dirigentes sindicais de todo o estado irão avaliar dados econômicos apresentados pelo DIEESE, discutir reivindicações da categoria e deliberar estratégias para a Campanha Salarial e Social 2023.

Bandeiras de Luta

– Reajuste salarial
– Aumento real e PLR
– Redução da Jornada de Trabalho
– Igualdade salarial entre mulheres e homens (Lei 14.611 de 2023)
– Auxílio alimentação
– Saúde e segurança
– Qualificação profissional
– Igualdade de oportunidades
– Trabalho decente
– Proteção à maternidade
– Fim do assédio moral e sexual
– Fortalecimento da estrutura sindical
– Manutenção e ampliação de direitos sociais e trabalhistas
– Defesa do emprego

Deixe uma resposta