Reunião ampliada do Conselho Político da FEQUIMFAR recebe Zé Dirceu

0
146

“O Conselho Político Consultivo da FEQUIMFAR realiza sua última reunião do ano em um período de grande turbulência política, com uma onda de direita em ascensão e crescente contestação das estruturas sociais e democráticas. Essa conjuntura mostra a necessidade de um balanço das eleições municipais, com um olhar atento ao jogo político de 2022.”
Sergio Luiz Leite, Serginho
Presidente da FEQUIMFAR e
1º secretário da Força Sindical

Nesta manhã, os Químicos da Força receberam em reunião virtual o ex-deputado estadual e federal e ministro da Casa Civil (governo Lula), Zé Dirceu, para análise e balanço dos resultados das eleições municipais de 2020 e os desafios e perspectivas para 2022.

“Temos que exigir ações das lideranças politicas municipais no enfrentamento da crise e na defesa dos trabalhadores”, disse Miguel Torres, presidente da Força Sindical, que participou da abertura do encontro.

A reunião do Conselho Político Consultivo da FEQUIMFAR teve a participação de lideranças dos 33 Sindicatos filiados à FEQUIMFAR, além da presença de Miguel Torres, presidente da Força Sindical, Juruna, secretário geral da Central, e companheiros dos Químicos dos estados de MG, RJ, SC e Papeleiros de Piracicaba SP.

“Mesmo com os ataques à classe trabalhadora e ao movimento sindical, temos conseguido fazer a nossa parte, desenvolvendo as campanhas salariais, com dificuldades, mas resistindo e alcançando importantes resultados para a categoria. Nossa luta é para que em 2021 possamos manter nossa força, capacidade e unidade.”
Edson Dias Bicalho,
secretário geral da FEQUIMFAR e
presidente do STI Bauru

“2020 foi um ano difícil, mas foi de aprendizado e superação. A unidade dos Químicos da Força é o que possibilita nossos avanços. No próximo ano, vamos buscar fortalecer a participação do jovem no movimento sindical na defesa de direitos e conquistas.”
Jurandir Pedro de Souza,
diretor financeiro da FEQUIMFAR e
presidente do STI Itapetininga

“Pensar as perspectivas e discutir em conjunto ações para o próximo ano é muito importante para trabalhar o ano de 2021 de grandes desafios.”
Coordenadora do Departamento de Mulheres e Identidade de Gênero da FEQUIMFAR

“Parabenizamos a direção da FEQUIMFAR pela realização deste debate, porque um dos grandes desafios é nos preparar para os desafios que tem se colocado ao movimento sindical e fortalecer a ação unitária da Família Química.”
Antonio Silvan Oliveira,
presidente da CNTQ e
presidente do STI Guarulhos

Deixe uma resposta