Trabalhadores conquistam primeiro acordo na Campanha Salarial do Etanol

0
365

Em meio à Campanha Salarial e Social dos Trabalhadores nas usinas e destilarias de etanol do estado de São Paulo, o Sindicato dos Químicos e Etanol de Araçatuba e Região conquistou importante proposta para acordo coletivo com o Grupo Renuka, beneficiando cerca de 1.000 trabalhadores na região.

A proposta, que será submetida à assembleia dos trabalhadores amanhã, dia 23 de maio, prevê um reajuste de 5,11% no piso salarial, elevando-o de R$ 1.760,00 para R$ 1.850,00. Além disso, os demais salários receberão um reajuste de 5% (com INPC* mais 1,72% de aumento real).

A proposta também garante a manutenção de todas as cláusulas do acordo anterior, assegurando direitos e benefícios já conquistados pela categoria.

Para o presidente do Sindicato, José Roberto da Cunha, a proposta demonstra a força da união da categoria.

Campanha salarial acontece em todas as regiões do estado

A Campanha Salarial dos trabalhadores nas usinas e destilarias de produção de etanol no estado de SP, data-base 1º de maio, é coordenada pela FEQUIMFAR com apoio dos Sindicatos filiados e está avançando em várias regiões.

Nos últimos dias, foram realizadas diversas rodadas de negociação entre Bancada de Trabalhadores e Patronal.

“A Pauta de Reivindicações inclui a luta por reajuste salarial com aumento real, Piso de R$ 2.470,00, Piso para Técnico Químico de R$ 4.550,00, PLR no valor de 2 Salários Normativos, entre outros”, explica Sergio Luiz Leite, Serginho, presidente da FEQUIMFAR e vice-presidente da Força Sindical.

Deixe uma resposta