Centrais e movimentos populares debatem vigilância em saúde com foco no trabalho

0
628

Ao final dos debates, foi elaborada uma carta do Movimento Sindical e dos Movimentos Sociais, com apontamentos para a Conferência Nacional de Vigilância em Saúde.

João Donizeti Scaboli, 1º Secretário de Saúde do Trabalhador e coordenador do departamento de saúde do trabalhador da FEQUIMFAR, compôs a mesa de abertura em nome da Central, em suas considerações reforçou a importância do Movimento Sindical em se apropriar dos temas e ações em vigilância na defesa do Sistema Único de Saúde – SUS.

No evento, também estiveram presentes Luis Carlos, 2º Secretário de Saúde do Trabalhador e Diretor dos Sind. Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes, Valdir Lima, 3º Secretário de Saúde do Trabalhador e Diretor do Sind. dos Comerciários de Porto Alegre, Gilberto Almazan, 4º Secretário de Saúde do Trabalhador e Diretor do Sind. Metalúrgicos de Osasco e Região.

Os Secretários acolheram e acompanharam a participação dos companheiros (as) Sandra, diretora do Sindicato dos Químicos de Goiás, Alan, Secretário da FS Minas Gerais, Geraldo, Diretor Sind. Metalúrgicos de Ouro Branco/MG, Iranildo, Secretário da FS Bahia, Bittencourt, Secretário da FS Santa Catarina, Jefferson, Secretário da FS Amapá, Kleber, Secretário da FS Rio de Janeiro, Sidney, Secretário da FS Mato Grosso, Osvaldo, Secretário da FS Paraná, que  compuseram a delegação da Força Sindical no Seminário.

Fonte: Secretaria de Saúde e Segurança do Trabalho da Força Sindical.

Deixe uma resposta