Sindicato dos Químicos de Presidente Prudente realiza assembleias e trabalhadores aprovam Acordo Coletivo 2023-2024 na usina Cocal

0
255

A diretoria do Sindicato dos Químicos e Etanol de Presidente Prudente, representada pelo presidente Milton Ribeiro Sobral e o tesoureiro José Aparecido dos Santos, encerrou as assembleias na usina Cocal, unidade Narandiba, na última quinta-feira, dia 27 de julho, ocasião em que os trabalhadores aprovaram o Acordo Coletivo de Trabalho 2023-2024.

Foram realizados contatos diretos com trabalhadores no período da manhã e à tarde. Com a aprovação da proposta da empresa, o Sindicato finalizou os trabalhos do ACT referentes à empresa e iniciados em março deste ano.

Durante toda a negociação, foi feito uma ação de esclarecimentos visando a conquista de um reajuste com aumento real e manutenção das cláusulas do ACT, sendo que a data-base da categoria é 1º de maio.

Desta forma, foram definidos como conquistas dos trabalhadores:
– Reajuste no piso salarial de 5 %
– Reajuste de 5 % no Vale Alimentação
– Manutenção de todas as cláusulas do ACT vencido em 30/04/2023
– Lembrando que, os reajustes são retroativos a maio e o pagamento de todas as diferenças de maio, junho e julho, serão pagas na folha de agosto.
Para o presidente do Sindetanol, Milton Ribeiro Sobral, a negociação foi finalizada de forma positiva para a categoria, principalmente pela conquista de um aumento real.

“Depois de uma longa caminhada, chegamos ao final da negociação aqui na Cocal. Com isso, temos a satisfação de anunciar ganhos reais e manutenção de conquistas já presentes no ACT. Estes benefícios não seriam alcançados sem o diálogo e transparência nas negociações em prol dos trabalhadores”, disse Sobral.

Fonte: Imprensa Sindetanol
Fotos: José Aparecido dos Santos/Sindetanol

Deixe uma resposta